Fiquei chocado

Vocês conhecem o Dericky? Não? Pois então, a primeira vez que vi ele foi no blog do Não Salvo, aquele que tenho ali na barrinha do lado, falando sobre o “Problema do Funk”. Vídeo muito engraçado, confiram:

Esse garoto ficou um ano aqui no Brasil fazendo intercâmbio e aprendeu a falar português. Assim, considerando que aprender uma língua estrangeira do nada (no susto) é muito foda, acho que ele consegue falar muito bem – afinal nossa língua já é uma das mais fodas de aprender, soma-se isso ao Brasil, um país com um milhão de sotaques e regionalismos, tem-se aí um desafio de décadas.

Quando eu conheci o vlog dele achava que ele era hétero (tem um vídeo que ele fala que beijou uma menina) e tudo bem que ele dá pinta – a gente dá um desconto pelo sotaque americano que bicha-xoxotiza a fala, mas eu sou do tipo de pessoa que acredita na heterossexualidade alheia até que a pessoa diga por si própria que não (acho que sou assim por causa de um amigo meu que eu gosto muito e que supostamente é hétero – muito embora eu desconfie do contrário e seja afim dele).

Mas hoje eu entro no Youtube e vejo lá na minha barrinha de inscrições “Meu namorado S2“, vídeo do Dericky, garoto que até pouco tempo atrás era hétero? Como assim BRASIL? Deve ser zuação – penso. Ai me deparo com isso:

O mais bacana dos vídeos do Youtube é ver os comentários que as pessoas deixam. A grande maioria age com “naturalidade” e solta comentários do tipo “tifofo“, “que lindo vocês dois”, etc. Mas o que me deixa morto de satisfação é ver o comentário das bee’s incubadas: “quem come quem?”, “deve ser viado porque nunca conseguiu pegar mulher” dentre outros carinhos para com nosso amigo estrangeiro.

O que me deixa mais feliz ainda é que o canal dele é relativamente bem acessado e ele “assumiu” (não curto essa palavra) sua condição não se importando com os comentários ou as repercussões. Quem tem a imagem dele como o gringo bacaninha que falava português e mostrava coisas interessantes sobre os EUA agora conhece essa outra face dele – e tem que lidar com isso.

E o bacana é que com esse tipo de gesto a homofobia – ou melhor, a homo-ignorância – vai sendo cercada e dizimada. Assisti recentemente aquele filme “Milk – A voz da igualdade” (filmaço, por sinal) e concordo muito com o pensamento de Harvey Milk. É só a gente saindo do armário e se expondo que aqueles que estão a nossa volta conseguirão enxergar que ser gay não é doença, ser gay não é ser anormal. Ser gay é ser o que já se é.

Muito fácil você desprezar aquilo que não conhece. É por isso que tantas vezes as pessoas não pensam duas vezes antes de mandar um comentário do tipo “porque tem tanta gente que assiste esse cara, ele é só um gay” para o Dericky, porque elas não tem parentes, amigos ou outros conhecidos gays. Cheguei a essa conclusão talvez um pouco tardiamente, de que a maior arma contra a repressão é justamente o confronto direto contra ela. Fica a reflexão.

Abraços!

Obs.: FOFO demais o namorado do Dericky, quero um daqueles pra mim.

Anúncios

11 Respostas

  1. Qua bacana o post, confesso que estava por fora de tudo isso que tu registrou…
    O garoto foi corajoso, e eles formam um belo par…
    forte abraço

    19 de janeiro de 2011 às 12:00

  2. Oi, nossa, eu vim aqui no seu blog, num lembro se eu já o seguia antes, o que ultimamente não está fazendo muita diferença, porque eu desdenhosamente venho me esquecendo de ler os amigos da internet. Mas assim, gostei do seu post, ei de seguí-lo e lê-lo.

    Peixos, me liga.

    12 de janeiro de 2011 às 17:12

    • ‘Brigado, ter um grande blogayro como você aqui nos comments é uma honra!
      Peixos!

      12 de janeiro de 2011 às 18:06

  3. in.Constante

    Oi! Bem, agradeço e retribuo a visita =D

    Sobre o Dericky, não o conhecia… e ambos são muito fofos mesmo. Mas sobre o primeiro vídeo, estou a me perguntar: que diabos de FM’s ele tem programadas no carro? hahahaha. Tocar 3 funks seguidos é foooda!

    E peloamordegaga, se ele não tivesse feito o outing, dava até para entender isso como um sinal dos deuses (gregos e belos). Né? =D

    Xêrinho!

    11 de janeiro de 2011 às 20:30

  4. Gui

    Que fofo os dois.

    Comentários no youtube? Sempre ignoro, porque né…

    6 de janeiro de 2011 às 12:48

  5. SG

    Interessante é que ele passou o ano no Brasil aqui em Maringá… acho que tem um vídeo dele sobre essa experiência.

    Achei os dois muito fofos, by the way.

    5 de janeiro de 2011 às 16:37

  6. Natan

    Acabei de conhecer seu blog, e já gostei de cara.
    Você têm um jeito de escrever, que “nos” envolve nos textos.
    Quanto ao Derick, adorei, e o namorado dele *-*
    quero um pra mim rs

    5 de janeiro de 2011 às 14:29

    • Brigado pelo elogio, mas eu nem acho que escrevo tão bem assim… sei lá, me custa a vir inspiração sabe?
      Abraços!

      5 de janeiro de 2011 às 15:13

  7. É bem por ai mesmo. Certas coisas só acontecem e mudam com a convivência…

    Agora, eu acho o mundo dos vlogs e youtube bastante hostil. Acompanho alguns vlogs e vejo como tem gente estúpida por lá… muito mais agressivos que nos blogs…

    5 de janeiro de 2011 às 7:28

  8. Júlio César Vanelis

    Carakkk, Thiago!!! Muito bom o Post, adorei os vídeos… kkkkk
    Eu concordo plenamente com você. Nós temos direitos iguais aos dos heteros,e como bem disse o Dericky, se não estás satisfeito, vá tomar no CU, e é bem capaz de gostar… kkkk
    Eu decidi apostar essa psotura também, é claro que depois do outing, tudo fica mais fácil :p

    Um beijo Thiago… Até o próximo!!!

    5 de janeiro de 2011 às 1:41

  9. Oi Tibis!

    Amei o post. Como diz um amigo meu, você tem um “jeito gostosinho de escrever”. Escrevi no meu blog um post que vem a calhar em relação ao que você disse nesse texto. Dá uma olhada lá.

    5 de janeiro de 2011 às 0:03

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s