A edição perdida

Estava fazendo uma limpeza geral no meu quarto (sabe aqueles dias em que te dá a louca e você começa a abrir as portas, gavetas e os maleiros e sai jogando fora tudo que vê pela frente? Então…) e me deparei com uma coleção de revistas que eu comecei a fazer em 2006. A Nintendo World nº 73 foi a primeira – e está toda desgastada e irreconhecível agora – de muitas que marcaram a era dourada de minha vida. Se pensam que foi pelo conteúdo das revistas, estão uns 89% enganados. Foi por causa de uma pessoa. Uma garota.

Viciada em artigos nipônicos – animes, mangás, desenho, videogames – e foi quem me introduziu nesse mundo onde o “padrão” é as pessoas se travestirem com roupas improvisadas (feitas com materiais inusitados) de personagens de animes e se encontrarem nos “badalados” Anime Festivals. Uma exímia desenhista, jogadora de Zelda, Mario Kart e Smash Bros e amiga. Nossa amizade, que surgiu de uma forma talvez bastante natural como acontece entre os homens e as mulheres (eu era afim dela e ela não era afim de mim), começou no fim da 7ª série e durou até o fim da 8ª. Uma época memorável, que terminou de forma espetacular – tal como no conto da Cinderela – num baile (de “formatura”) do qual me recordo com minúcias até hoje.

No ano seguinte ela viria a mudar de colégio, de casa, de telefone, de e-mail (desconfio que até de mundo) e foi sem deixar nem uma mensagem SMS. Imaginam como eu fiquei? Descobri tempos depois que ela ainda vivia e estava em outro colégio da mesma rede que o meu porém num bairro distante e lá já estava envolvida por amigos – e isso incluiu um namorado. Tivemos alguns re-encontros no meio do caminho até eu concluir o 2º ano (e ela o 1º porque tinha tomado bomba) mas elo que formava nossa ligação já havia se arrebentado.

Ela lá, com os milhares de amigos que fez numa incrível velocidade geminiana e eu com meus poucos – mas valiosos – amigos aqui. E olhem que ainda tive a cara de pau de chamá-la para o baile de formatura do 3º ano em 2009 – forçando muito a amizade (já morta) – achando que teria coragem (ou vontade) de ficar com ela. Troféu EPIC FAIL versão pink pra mim né gente? Podia até ter ficado com ela. Mas todos sabem onde isso ia parar…

E eis que recentemente uma amiga minha: Giulia, escritora do blog “Divas Não Choram” (que no momento está fazendo faculdade de Letras), conseguiu um estágio no mesmo colégio onde nós estudamos a vida inteira. E ela descobriu que essa antiquíssima amiga (ou ex-amiga?) minha está trabalhando lá também.

No fundo, eu morro de vontade de ver ela de novo. Dizem que cortou o cabelo curtinho. E que agora está trabalhando – fiquei feliz que ela tomou um rumo na vida. Dias atrás estive lá na porta do colégio, bem pertinho da antiga casa dela. E me vieram recordações. E me surgiram as revistas. E me lembraram dela. E ela me lembrou de mim mesmo. E eu me lembrei na época mais feliz da minha vida. A época em que meus sorrisos nas fotos ainda eram espontâneos.

Tenho saudades dos 32 bits do GBA. Pokémon Emerald, um jogo retardado, para pessoas retardadas (desculpem-me os leitores que gostam), mas que eu dei meu fígado em oferenda pra convencer a minha mãe a comprar. Ôh, época boa!

Obs.: NÃO TENHAM FILHOS!

That’s all, folks.

Anúncios

2 Respostas

  1. SG

    Aaaa… Game Boy Advance! Boa evolução em relação ao GB Color!

    Fico nessa de lembrar do colégio praticamente todos os dias. Meus irmãos estudam na escola que eu estudei a vida toda… época muito feliz, mesmo.

    Semanas atrás, fui à dispensa, tirei uma caixa que estava toda empoeirada, em cima de um armário, e instalei meu moderníssimo Sega Mega Drive 16 Bits…

    Estava sentindo falta dos gráficos realistas, e de assoprar o cartucho, pra ver se pegava no tranco!

    1 de abril de 2011 às 10:52

  2. O melhor dessa época é que ela passa e deixa saudades… Mesmo que, na época, vc tenha pensado que era tudo uma bosta…

    Ops, acho que foi um desabafo… rs

    Abração!!!

    30 de março de 2011 às 0:53

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s